O principal desafio do Líder quando o assunto são as pessoas e a cultura

 em Cultura Organizacional, Dicas para melhorar minha empresa, Habilidades Profissionais, Liderança

É natural que recaia sobre os líderes a responsabilidade de capacitar, motivar, engajar e desenvolver pessoas e cultura em uma cooperativa, não à toa, mas pelos simples e rico fato de que a liderança é o elemento principal de uma organização, podemos dizer e sem exageros – que os líderes são os motores de uma cooperativa – ou em essência – os condutores da cultura organizacional. 

Os líderes possuem, mesmo que inconsciente, a capacidade de estabelecer gatilhos para provocar sentimentos, comportamentos e ações nas pessoas – como dito, consciente ou inconscientemente, líderes constroem mensagens que fazem com que as pessoas possam acreditar em algo que transcende as pessoas e transversamente navega entre a cultura  – o propósito. 

Outro fator é que assim como podem provocar gatilhos, líderes podem se pegar disseminando sabotadores de mudança e resultados, fatores esses invisíveis, poderosos e extremamente limitadores. É comum, apesar de não ser normal, que os líderes se peguem influenciados pelas mensagens direcionadas pela liderança superior ou até mesmo de suas experiências anteriores e, por isso, acabam, por traumas ou resultados alcançados, acreditando nessas mensagens sabotadoras. Exemplos mais comuns são – isso é assim mesmo – eu não posso mudar isso sozinho – sempre foi assim – não adianta levar ideias novas – “lá em cima não vai aceitar”. 

O que fazer quando perceber que as pessoas estão nesse estado limitador? 

A primeira ação, inquestionavelmente necessária, é estabelecer um novo padrão de mensagem – diria que talvez a mais assertiva seria: 

“Líder, se você não pode substituir a máquina inteira, trabalhe no realinhamento de algumas engrenagens mais úteis e críticas na sua área de influência”.

Com essa mensagem sendo fortalecida e reforçada constantemente, é papel das lideranças tangibilizar e reforçar essa narrativa, pois são os resultados tangíveis os reais responsáveis por reforçar os pensamentos. 

Três ações práticas podem ser experimentadas pela diretoria para poder realinhar a mensagem de desempenho e cultura para as pessoas e estabelecer essa “nova” personalidade da cooperativa: 

  • Criar, especificadamente, lembretes simbólicos da cultura ou direção desejada – use a criatividade para isso; 
  • Estabelecer uma rotina de comportamentos fundamentais capazes de reforçar a mensagem – reuniões, encontros, chamadas e comunicados específicos, dedicados e objetivos; 
  • Disseminar o mindset – momento de compartilhar crenças e pensamentos fortalecedores, assim como, eliminar crenças e pensamentos limitadores. 

Líderes perceberão que esse desafio de realinhar, reestruturar, ressignificar ou reestabelecer a mensagem para que a cultura e o desempenho sejam transformados é essencialmente necessário para que pessoas possam estar constantemente energizadas e vendo nas lideranças (exemplos) um reservatório de energia e influência emocional. 

Conheça o Programa de Cultura e Performance Organizacional e entenda como a cultura influencia a performance e como a performance influência na consolidação da cultura organizacional. 

Postagens Recomendadas
Contato

Entre em contato

Comece a digitar e pressione Enter para pesquisar