Cultura e liderança: Os nove princípios de Liderança Ágil

 em Cultura Organizacional, Dicas para melhorar minha empresa, Empreendedorismo, Habilidades Profissionais, Inovação, Interviews, Liderança, Parceiros Open, Profissões do Futuro, Tecnologia

Lançamos a série de artigos chamada “Cultura e liderança: Os nove princípios de Liderança Ágil. Queremos compartilhar com vocês três artigos com sete (9) importantes insights sobre como fortalecer a sua equipe em momentos de adversidade.

Confira logo abaixo nosso primeiro artigo.

Ao criar esses princípios, procuramos identificar competências, capacidades do líder ágil.
A mentalidade ágil se tornou uma cultura que envolve valores, princípios e práticas que juntas têm como missão substituir a gestão focada no comando e controle, por uma liderança flexível, focada no cliente e com alto poder de
adaptação.

Os nove princípios da liderança ágil

1. Ações falam mais alto que palavras

Liderança Ágil não trata apenas de conduzir e promover mudança, trata-se também de ser a mudança. Aqueles que lideram por exemplo é se envolver ativamente em seu próprio desenvolvimento, inspirar pessoas. Isso é mais por
meio de ações do que de palavras; como disse Gandhi, “Seja a mudança que você quer ver”. Os líderes Ágeis se desenvolvem para serem humildes e empáticos demonstrando virtudes como compaixão, bondade e cuidar de seus
colegas. Líderes inspiradores trabalham em si mesmos antes de trabalhar nos outros.

2. Líderes ágeis valorizam pensamento de alta qualidade que resultará em ação significativa.

Líderes Ágeis veem problemas de muitos ângulos diferentes. Eles recebem informações das pessoas mais próximas ao problema, e isso é uma forma de garantir que eles estão em contato com a realidade, em vez de depender
apenas de informações eletrônicas para informar sua tomada de decisão. Isso também significa permitir tempo para pensar e se concentrar em as mais altas prioridades em um determinado momento.

3. As organizações melhoram por meio de feedback eficaz.

Receber feedback pode muitas vezes ser visto como algo negativo, então os líderes ágeis lideram o caminho corajosamente solicitando feedback significativo, útil e oportuno da equipe. Ao solicitar feedback é importante, que
os líderes reservem tempo para garantir que eles estão respondendo visivelmente às sugestões feitas por seus colegas para fechar o ciclo de feedback. Modelos de líderes ágeis é dando feedback eficaz e aberto, honesto e respeitoso.

4. As pessoas precisam saber significado de propósito para fazer o seu trabalho

Líderes ágeis se concentram em construir e compartilhar a compreensão e propósito. Existe uma visão de mudança que seja significativo e aplicável à organização. o trabalho do Líder Ágil é estar ciente do que está nos corações e
mentes de sua equipe, e então unificar e alinhar esses valores em ações inspiradas.

5. A emoção é uma base para aumentar a criatividade e inovação

Líderes ágeis inspiram uns ao outros a dar o melhor de si para trabalho deles. Eles entendem que a emoção é uma importante parte da experiência humana, e quando os indivíduos trabalham com suas emoções, eles alcançam mais de seu potencial. A inovação e a criatividade dependem muito do respeito que o líder incentiva, sendo acessível, aberto, honesto e transparente, enquanto espera o mesmo dos outros.

6. A liderança vive em todos os lugares da organização

A liderança ágil deve permear todos os aspectos de uma organização e constantemente iniciativas de mudanças. Percebendo o potencial de liderança de todos os seus funcionários ajuda a acelerar a capacidade da organização de
aprender e se adaptar. O trabalho de um líder ágil deve desenvolver profundidade na organização e capacidade de liderança, proporcionando oportunidades para que seu pessoal possa liderar

7. Os líderes delegam poder e autoridade

Os líderes ágeis reconhecem que as pessoas trabalham melhor quando eles estão habilitados, engajados e energizados. Capacitando indivíduos é uma habilidade necessária do Líder Ágil, à medida que equilibram as necessidades e tensões emergentes da organização. Líderes ágeis reconhecem que empoderamento não é um conceito de “tudo ou nada”. Em vez de, é um comportamento de liderança que responde a o contexto atual para mudança.

8. Comunidades colaborativas alcançam mais equipes de alta performance

Líderes ágeis constroem comunidades baseadas em alta confiança, respeito e relações de trabalho significativas. Seu papel é fornecer a essas comunidades tudo o que precisam, operar com eficiência, mas depois deixá-los funcionar de
forma autônoma dentro de seus limites. O líder ágil entende que perdão, positividade, generosidade e gratidão são partes importantes de um trabalho saudável ao meio Ambiente. O funcionamento saudável da equipe junto com a
preservação da saúde emocional permite que o Líder Ágil incentive o aprendizado e o desenvolvimento ao mesmo tempo que equilibra produção sustentada e desempenho para o benefício da organização.

9. Grandes ideias podem vir de qualquer lugar da

Organização Pessoas que estão perto de um problema geralmente têm as melhores ideias sobre como resolvê-lo. Líderes Ágeis permitem estarem abertos à influência e ideias de outros, independentemente de seu status ou
posição. Para este fim, o Líder Ágil para, escuta e dá tempo para realmente ouvir os pensamentos e ideias para melhorias de seus colegas. Mesmo que algumas ideias não sejam utilizadas, O líder ágil incentiva um fluxo contínuo de criatividade por ajudando as pessoas a entender quais ideias eram úteis e quais não eram.

Postagens Recomendadas
Contato

Entre em contato

Comece a digitar e pressione Enter para pesquisar