O que deve ser priorizado, Cultura ou Estratégia?

 em Cultura Organizacional, Liderança

A respostas correta para essa pergunta é simples, mas não simplista demais para ser respondida sem um contexto.

A Cultura Organizacional é, conforme definido por Cameron e Quinn, 2005, é um atributo socialmente construído e que serve como uma “cola” que mantém a organização unida. A cultura representa “como as coisas são por aqui” e reflete a ideologia predominante que as pessoas têm em suas mentes. Em linhas gerais, cultura é o alinhamento de pessoas, cultura é pensar de maneira alinhada, se comportar de maneira equilibrada e agir de maneira proativa e comum, ou para resultados que convirjam para a mesma direção.

A estratégia pode ser compreendida como uma é o conjunto de mecanismos sistêmicos que utiliza processos metodológicos para, dentro de um contexto, definir o estabelecimento de metas, o empreendimento de ações, a mobilização de recursos e a tomada de decisões, visando à consecução de objetivos, a fim de alcançar o sucesso e a visão desejada.

QUAL DELAS DEVE SER PRIORIZADA?

Quando se fala de cultura, pesquisas revelam que apenas 15% das empresas possuem uma cultura ideal estabelecida. Agora quando o assunto é estratégia, pesquisas revelam que 9 a cada 10 falham ou nunca chegam a serem operacionalmente implementadas. Qual é a discrepância nessa relação?

Está no fato de que as culturas não são as ideias por falta de estratégia e as estratégias falham por falta de cultura.

Culturas Organizacionais não são estratégicas por não serem gerenciadas, por muitas vezes não serem diagnosticadas e por fim, por não terem uma estratégia alinhada. Quando se observa os principais fatores de falha de uma estratégia organizacional, é possível ter clareza dessa afirmação. As estratégias falham por ficarem só na teoria e normalmente:

  • NÃO serem comunicadas a todo o pessoal;
  • NÃO estarem vinculadas aos objetivos pessoais daqueles que as têm de aplicar;
  • NÃO estarem vinculadas aos objetivos de longo prazo da empresa;
  • NÃO se identificam indicadores de desvios e acertos;
  • NÃO se definem os fatores-chaves de sucesso;
  • NÃO se avaliam as competências do pessoal responsável pela execução.

Então qual delas deve ser priorizada?

A resposta é simples, mas não simplista, e por isso foi contextualizada. A priorização deve ser no equilíbrio dessas duas ferramentas. Estabelecer parâmetros de alinhamento da cultura com a estratégia condicionará o alinhamento necessário de pensamento, comportamento e ações para que nunca haja muita concentração na cultura e pouca na estratégia e vice e versa.

Quer saber mais em como criar esse equilíbrio? Acesse o alinhamento de cultura e performance organizacional.

Não deixe sua estratégia ser engolida pela cultura e não deixe sua cultura ser fragilizada por falta de estratégia.

Postagens Recomendadas
Contato

Entre em contato

Comece a digitar e pressione Enter para pesquisar